segunda-feira, 15 de maio de 2017

Portugal.



Nosso quarto no hotel.


Clássico Português: Benfica e Sport. 
Estádio do Benfica.


Clássico Português: Benfica e Sport. 
Estádio do Benfica.


Clássico Português: Benfica e Sport. 
Estádio do Benfica.


Clássico Português: Benfica e Sport. 
Estádio do Benfica.


Clássico Português: Benfica e Sport. 
Estádio do Benfica.


Clássico Português: Benfica e Sport. 
Estádio do Benfica.


Após o jogo, as lojas abrem as 24:00 para os torcedores levarem algumas lembrancinhas.


Monumento a Família Real Portuguesa.


Hotel Avenida Palace.



Monumento a Família Real Portuguesa.


Monumento a Família Real Portuguesa.









Praça de D. Pedro IV, a estátua do homem que dá o outro nome ao Rossio, Pedro I do Brasil, o Rei Soldado, o Libertador, o Imperador. D. Pedro foi o responsável pela Independência do Brasil e famoso pelo o seu "Independência ou Morte" ou o "Dia do Fico", em que tendo ordens para voltar a Portugal optou por ficar no Brasil. Aos seus pés, quatro estátuas de figuras femininas que representam a Justiça, a Sabedoria, a Força e a Moderação. Nos extremos duas fontes idênticas que acrescentaram á praça em 1889.  




O terramoto de 1755 fez desaparecer grande parte dos edificios que rodeavam a Praça e deu lugar á arquitectura Pombalina que hoje marcam a cidade e sobretudo o Rossio. Mas o grande monumento é sem dúvida o Teatro Nacional D. Maria II, com o Diogo Infante á frente da direcção artística levando o teatro a uma outra era. Para trás um passado de grande glória, de óperas e grandes actores que pisaram o seu palco, nomes como Ruy de Carvalho, Eunice Muñoz e Amélia Rey Colaço. 


Podiam fazer visitas guiadas ás segundas-feiras pelas 11h30. No piso da entrada está instalado o restaurante Amo.te Lisboa com uma boa esplanada. Do lado esquerdo do Teatro está a estação de comboios do Rossio com a sua impressionante fachada.


Restaurante na esquina da rua do nosso hotel.


Prato: Bacalhau com batatas.


Prato: Sardinhas.


Monumento a Família Real Portuguesa.


Praça do Comércio com o Arco do Triunfo português, em Lisboa.




Cais do Porto e ao fundo a Ponte 25 de abril.


Cais do Porto e ao fundo a Ponte 25 de abril.


Ponte 25 de abril.


Ponte 25 de abril.


Monumento Afonso de Albuquerque. “No centro do jardim encontra-se o monumento construído em memória do vice-rei da Índia, Afonso de Albuquerque. Este monumento foi uma homenagem do historiador Simão José da Luz Soriano, é da autoria de Costa Mota na escultura e Silva Pinto na arquitectura, tendo sido inaugurado em 1902. Monumento em estilo neo-manuelino, tem na base quatro baixos-relevos, alusivos à vida de Afonso de Albuquerque e na parte superior, também em baixos-relevos, estão representadas as naus, caravelas e galeões que compuseram a sua esquadra. No cimo da coluna está a estátua em bronze do vice-rei, fundida no Arsenal do Exército.” (http://www.mosteirojeronimos.pt)


Museu das Carruagens.



Mosteiro dos Jerónimos.


Mosteiro dos Jerónimos.



Mosteiro dos Jerónimos.


Mosteiro dos Jerónimos.



Mosteiro dos Jerónimos.


Mosteiro dos Jerónimos.


Planetário Calouste Gulbenkian.


Centro Cultural de Belém e ao fundo Padrão dos Descobridores.


Centro Cultural de Belém.


Museu do Combatente.


Museu do Combatente.


Museu do Combatente.


Torre de Belém.


Torre de Belém.


Torre de Belém.


Torre de Belém.


Torre de Belém.


Torre de Belém.


Museu de Arte Popular.


Museu de Arte Popular.


Museu de Arte Popular.


Museu de Arte Popular.


Padrão dos Descobrimentos. Monumento aos navegadores portugueses.


Padrão dos Descobrimentos. Monumento aos navegadores portugueses.


Museu da Eletricidade - Fundação EDP.


.



.



TV Globo Portuguesa.


Praça de Touros do Campo Pequeno.


Praça de Touros do Campo Pequeno.


Jardim Zoológico de Lisboa.


Jardim Zoológico de Lisboa.


Monumento ao 25 de Abril no Parque Eduardo VII




Monumento ao 25 de Abril no Parque Eduardo VII




Arcos da Rua Baixa de Lisboa.



Museu da Cerveja de Lisboa.


Mercadão de flores de Lisboa.


Bondes da Carris em funcionamento.


Cais do Porto de Lisboa.


Cais do Porto de Lisboa.


Vista do Mosteiro dos Jerónimos.


Miniatura da Torre de Belém na entrada.


Sala dos canhões da Torre de Belém.


Canhões posicionados para a defesa e ataque da Torre de Belém.



Vista do Pátio inferior da Torre de Belém.



Pátio Interno da Torre de Belém.



Corredores da Torre de Belém.



Vista da Torre de Belém.



Local onde ficavam os nobres na Torre de Belém.



Salão superior da Torre de Belém.



Vista de cima da Torre de Belém.




Padrão dos Descobrimentos. Monumento aos navegadores portugueses.


Mapa visto de cima do monumento. Mostra o mapa mundi com os descobrimentos portugueses com as datas e territórios.





Lanche da tarde: Crepe Português.


Pátio do Mosteiro.



Museu do Mosteiro.




Parte superior do Mosteiro dos Jerónimos.



Parte superior do Mosteiro dos Jerónimos.




Parte superior do Mosteiro dos Jerónimos.




Parte superior do Mosteiro dos Jerónimos.




Túmulo Luís Vaz de Camões.




Mosteiro dos Jerònimos.


Mosteiro dos Jerónimos.




Túmulo de Vasco da Gama.



Túmulo de Vasco da Gama.


Mosteiro dos Jerónimos.



Pastéis de Belém desde 1837. Local tradicional para visitar e comer bem.


Pedimos o bolinho de bacalhau e os pastéis de belém acompanhados de um belo vinho.




Restaurante Tradicional João do Grão. 
Onde se come o famoso prato: Bacalhau com Gão de Bico.





O Aeroporto Humberto Delgado, também chamado Aeroporto de Lisboa ou Aeroporto da Portela, situa-se maioritariamente na freguesia dos Olivais, em Lisboa, Portugal.

Imagens de arquivo pessoal. 

Algumas informações foram pesquisadas no site hojeconhecemos.com.br. antes de viajar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário