sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Moedas da Roma Antiga encontradas no Japão deixam arqueólogos intrigados.

06 outubro/2016



Estabelecer a conexão. Esse é o desafio de arqueólogos que localizaram moedas de cobre do tempo da Roma Antiga no castelo de Katsuren, na província de Okinawa, no Japão. As escavações no sítio arqueológico tiveram início em 2013. Apesar de terem sido descobertas há alguns anos, apenas agora foi possível identificar a origem dessas moedas.
O tempo foi implacável com os pequenos discos de cobre. Foi necessária uma análise por meio de raio-x para descobrir que havia a face do imperador romano Constantino, o Grande. A julgar por essa informação, estima-se que as moedas tenham sido cunhadas por volta do ano 400 d.C., época do declínio do Império Romano.
Mas o que os arqueólogos passaram a se perguntar foi: como essas moedas saíram do Mediterrâneo e chegaram até o Oriente? Quem as levou? Que possíveis negócios haveriam entre Roma e Japão? Estabelecer essas conexões e encontrar as respostas para essas perguntas são o desdobramento do achado. O que já se sabia, no entanto, era que o castelo Katsuren era um ponto de convergência para mercadores asiáticos. Mas o fato de haver sido encontrada um tipo de moeda europeia rompe com todas as certezas. Os arqueólogos passaram a trabalhar com a hipótese de que o local era um grande centro de relações comerciais do continente.
fonte: http://www.traduzca.com/moedas-da-roma-antiga-encontradas-no-japao-deixam-arqueologos-intrigados/

Nenhum comentário:

Postar um comentário